10 junho 2011

Portugal.

"Dai-me uma fúria grande e sonorosa,
E não de agreste avena ou frauta ruda,
Mas de tuba canora e belicosa,
Que o peito acende e a cor ao gesto muda;
Dai-me igual canto aos feitos da famosa
Gente vossa, que a Marte tanto ajuda;
Que se espalhe e se cante no universo,
Se tão sublime preço cabe em verso."
                                          -Canto 1, Os Lusíadas

Parabéns Portugal, no fundo é um pedaço de terra que podia ser qualquer outro no mundo. Mas Portugal são os Portugueses, quer em Portugal como no resto do Mundo. Onde está um Português, com ele brilha a chama lusa. Não é uma questão de nacionalismo, mas de dar valor a todos que lutaram para garantir a nossa liberdade. Gostar de Portugal não é apoior o governo. São duas coisas DIFERENTES. Gostar de Portugal é ter consciencia do que se já passou e da responsabilidade que é colocada em nós para seguir com os valores que sedimentam a nossa cultura. Igualdade, respeito, compaixão e muita força de vontade para mudar o que tem que ser mudado. Portugal não é uma bandeira nem um pedaço de terra. Portugal somos nós. O Povo.

A todos nós, Parabéns =)

2 comentários:

Joana disse...

Muito bem dito. :)
Da mesma forma que quem não vai votar, está a deitar por terra o esforço que tantas pessoas fizeram no passado para que isso fosse um direito. Portugal não é só o Governo...são as pessoas todas e se todos juntos souberem gostar do seu país, e lutar por um futuro melhor, Portugal continuará a crescer, até ser tão grande como foi outrora.

Paul d.C. disse...

=) Tão grande ou ainda maior ;)